Algumas dezenas de estruturas organizadas e muitas centenas de pessoas protagonizaram uma das mais singulares, arrojadas e participadas edições do Expressarte.

Pela vigésima primeira vez consecutiva, a criação artística aproximou e caldeou cidadãos de todas as condições, a cultura constituiu-se como factor privilegiado de realização pessoal e de inclusão social.

Mesmo com circunstâncias excepcionalmente desfavoráveis e imprevisíveis, convidativas ao desânimo e à resignação, todos aceitaram e se comprometeram com a experimentação de novas linguagens e processos, inovaram, surpreenderam, cativaram – deixaram sementes, indicaram caminhos para o futuro.

Fiéis aos princípios de sempre, reconhecemos, valorizamos e agradecemos todos os contributos e todos os protagonistas passam a figurar na história do festival, do Clube de Animação Jovem e da APPACDM de Setúbal.

Nunca esqueceremos a vossa participação e apoio. Obrigado!

O Presidente da Direção
Prof. José Maria da Silva Salazar