Serviço de Apoio Domiciliário

O Serviço de Apoio Domiciliário é uma resposta social que consiste na prestação de cuidados individualizados e personalizados, no domicílio, a indivíduos portadores de deficiência mental e suas famílias os quais, por motivo de doença ou outros, se encontrem incapacitados de satisfazer as suas necessidades básicas e psicossociais.

 

Local de Funcionamento

O Serviço de Apoio Domiciliário da APPACDM de Setúbal está sediado na Rua Evaristo Sousa Gago Lt 5 – 2910-115 Setúbal, as suas instalações são partilhadas por mais duas respostas sociais – Lar Residencial e Residência Autónoma2, constituindo a sua totalidade o Centro Álvaro Dias.

 

Caraterização da Resposta

A APPACDM de Setúbal tem como objetivo a intervenção junto de pessoas com deficiência mental desde o seu nascimento e sem limite de idade cronológica. A nossa intervenção tem sido direcionada para o apoio aos seus clientes e respetivas famílias na construção de um projeto que lhes confira dignidade e contribua para a melhoria da sua qualidade de vida.

Neste sentido, temos vindo a desenvolver formas que contribuem para a criação de condições que minimizem as diferenças, assumindo uma luta pelo bem-estar e pela igualdade de oportunidades. A Instituição em parceria com a comunidade envolvente tem vindo a orientar a sua atenção para outra realidade que afeta crescentemente os nossos clientes e as respetivas famílias – o envelhecimento.

O aumento da esperança média de vida trouxe consigo o agravamento de situações de dependência física e psíquica, quer para os seniores quer para a população com deficiência, a qual já sofre de envelhecimento precoce (caraterístico da deficiência mental). Assim sendo, os pressupostos teóricos/práticos que se aplicam aos seniores são também aplicados aos portadores de deficiência mental.

É com base nestas evidências que surge o Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) da APPACDM de Setúbal, uma resposta social, criada em janeiro 2013, que pretende oferecer um serviço individualizado ao nível das necessidades da vida diária e psicossociais. Destina-se a pessoas de ambos os sexos portadores de deficiência mental, idosos e outros que se encontrem em situação de dependência ou de emergência social, residentes nos concelhos de Setúbal e Palmela.

 

O SAD assegura a prestação dos seguintes serviços:

  • Fornecimento de refeições e/ou acompanhamento das mesmas;
  • Cuidados de higiene e conforto pessoal;
  • Tratamento de roupa;
  • Higiene habitacional;
  • outros

 

Considera-se que a nossa intervenção deverá ter por base o conceito de envelhecimento ativo o qual se aplica tanto a indivíduos quanto a grupos populacionais, permitindo desta forma que as pessoas apreendam o seu potencial ao nível biopsicossocial ao longo do curso de vida. O objetivo primordial do envelhecimento ativo é aumentar a expetativa de uma vida saudável e de qualidade, preferencialmente dentro do seu contexto familiar, evitando-se desta forma a institucionalização precoce. Assim sendo, os pilares da nossa intervenção assentam nos seguintes objetivos:

1. Satisfazer as necessidades básicas dos clientes e as atividades da vida diária;
2. Contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos indivíduos e famílias;
3. Criar condições que permitam preservar e incentivar as relações formais e informais;
4. Minorar situações de isolamento e de solidão;
5. Contribuir para a estabilização e retardamento das consequências resultantes da deficiência mental e do envelhecimento precoce;
6. Contribuir para adiar ou evitar a institucionalização;
7. Contribuir para a prevenção de situações de dependência, promovendo a autonomia;
8. Colaborar e/ou assegurar o acesso à prestação de cuidados de saúde;

 

Capacidade do estabelecimento

O Serviço terá capacidade de resposta para 30 pessoas.

 

Serviço de Apoio Domiciliário